HISTÓRIA EM QUADRINHOS NO ENSINO APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA

Podemos definir a história em quadrinhos como uma seqüência de imagens, dentro de quadros, retratando pequenas histórias, acompanhadas por balões representando diálogos de personagens, de modo a favorecer a sua compreensão. A História em Quadrinhos, como gênero literário, nasceu no final do século XIX pelas mãos do artista americano Richard F. Outcault, que desenhava seqüências de imagens retratando pequenas histórias e balões representando diálogos de personagens em uma coluna de jornal (Feijó, 1997). As histórias em quadrinhos usam uma linguagem próxima da língua falada, contendo gírias, expressões regionalizadas e neologismos que, geralmente, aproxima-se da linguagem cotidiana, informal, podendo apresentar algumas marcas típicas da oralidade, aliada à seqüência de imagens e incentivando o processo de leitura e escrita.

O contexto educacional que vivemos retrata a falta de interesse dos jovens pela leitura, principalmente de textos que envolvem conhecimentos matemáticos. No entanto, podemos perceber o interesse deles pelas histórias em quadrinhos, pois além da linguagem materna, outros fatores de grande atrativo para os jovens leitores são utilizados, como as ilustrações e a linguagem figural. De acordo com um artigo de Serpa e Alencar sobre histórias em quadrinhos em sala de aula, publicado em 1988, na revista Nova Escola, constatou-se, após uma pesquisa sobre hábitos de leitura dos alunos, que todos gostavam mais de ler quadrinhos do que qualquer outro tipo de publicação. Essa pesquisa confirmou o que todo professor conhece na prática em sala de aula: as histórias em quadrinhos seduzem os leitores, proporcionando uma leitura prazerosa e espontânea.

Os quadrinhos vêm ao encontro da necessidade da educação, a fim de motivar os alunos para a leitura e o aprendizado da matemática, despertando o interesse, seduzindo sua imaginação e ampliando os horizontes de conhecimento da criança. A história em quadrinhos influencia a estrutura mental da criança de maneira diferente da que ocorre com os conhecimentos mecânicos, formais e fragmentados, aos quais as crianças são apresentadas e que são desvinculados da realidade delas. As histórias aumentam a motivação dos estudantes, pois, em geral, eles as recebem de forma entusiasmada, motivando-os à participação ativa nas aulas, facilitando o entendimento dos conteúdos abordados, aguçando a curiosidade e desafiando o senso crítico. Elas estimulam a imaginação e a criatividade e, fundamentalmente, despertam o interesse pela leitura e escrita, contribuindo para a produção de textos, além de desenvolver temas importantes como respeito, ética, valores,  e deixar clara a importância da matemática nas questões do dia-a-dia para uma aprendizagem significativa.

As palavras e imagens, juntas, ensinam de forma mais eficiente, pois a interligação do texto com a imagem, existente nas histórias em quadrinhos, amplia a compreensão de conceitos de uma forma que qualquer um dos códigos, isoladamente, teria dificuldades para atingir. A imagem deve ser vista como parte integrante do processo de significação por auxiliar o aluno a compreender o texto, pois a criança não lê apenas as palavras em um livro, mas “lê”, ou atribui sentido, também considerando as ilustrações, bem como o contexto social em que a leitura se dá.

Levando em questão essas observações e considerando importante aproximar o ensino da matemática ao ensino da língua materna, acreditamos ser desafiante e lúdico para os alunos pensarem sobre algumas noções matemáticas a partir das Histórias em Quadrinhos, além de representar uma transformação no ensino tradicional da disciplina. Assim sendo, as histórias em quadrinhos deixam de ser vistas somente como instrumento de diversão e passam a integrar o material pedagógico de escolas, não apenas de educação infantil, mas também de jovens e adultos, auxiliando no processo de ensino aprendizagem dos mais diversos conteúdos, como Geografia, Matemática, Português e História.

  •  Então, para iniciar o trabalho da história em quadrinhos nas aulas de matemática, sugerimos que primeiramente o professor contextualize a origem das histórias em quadrinhos e sua evolução através dos tempos, no intuito de instigar os alunos e conquistá-los para a realização das atividades a serem propostas.
  •  Em uma segunda etapa, o professor pode propor uma visita à biblioteca pelos alunos para que estes possam escolher histórias em quadrinhos que preferir, aproveitando a oportunidade para ler as histórias e listar as suas características como: linguagem, personagens, tipos de balões, onomatopéias, cenários, dentre outras.
  • Na terceira parte, o professor poderia selecionar histórias em quadrinhos que possibilitassem trabalhar conceitos matemáticos e elaborar questões para serem respondidas baseadas na história dada.

Veja exemplo em: AS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS COMO RECURSO DIDÁTICO NAS AULAS DE MATEMÁTICA

  • A quarta atividade poderia ser a utilização de papel vegetal ou outro qualquer na confecção de histórias em quadrinhos pelas crianças, que trabalhem conteúdos matemáticos, de modo a explorar a sua criatividade sem a necessidade de recursos sofisticados.
  • Na quinta atividade o professor deve levar o aluno para trabalhar no laborátorio de informática, com o objetivo de criar a sua história em quadrinhos envolvendo conceitos matemáticos, utilizando para isso o recurso de construção de histórias no site da máquina de quadrinhos da turma da Mônica em www.maquinadequadrinhos.com.br . Esse site é um recurso fácil de utilizar, bastantando para isso que se cadastre.

  Veja, como exemplo, uma história em quadrinhos construída por nós, sobre números inteiros no dia-a-dia: Turma da Mônica em: Números inteiros no dia-a-dia

  • Na última atividade, o professor pode publicar, em forma de revistinha,  as histórias em quadrinhos que os alunos criaram no site e também pedir que dramatizem as que forem mais adequadas para encenação.

Post baseado em:

Software de autoria de História em Quadrinhos para apoio ao ensino de Língua Portuguesa e Matemática

HISTÓRIAS EM QUADRINHOS NA APRENDIZAGEM DE MATEMÁTICA

AS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS COMO RECURSO DIDÁTICO NAS AULAS DE MATEMÁTICA

A GEOMETRIA EM QUADRINHOS

About these ads

10 Respostas para “HISTÓRIA EM QUADRINHOS NO ENSINO APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA”

  1. Luciene Vaz Diz:

    Adorei o trabalho.
    Estou organizando um encontro pedagógico sobre HQs. Esse trabalho contribuiu muito para essa organização.
    Gostaria de saber se seus alunos criaram outras HQs envolvendo a Matemática (anos iniciais e finais do ensino fundamental), além da historinha sobre números inteiros.
    Gostaria de trabalhar com os professores na sequência didática que estou elaborando para o encontro. Caso sim, tem como enviar por email
    Assim que terminar o encontro enviarei as que foram criadas por eles, sobre resolução de problemas.
    Abraços
    Luciene

  2. Luciene Vaz Diz:

    Gostaria sim.

  3. Adorei este site. Parabéns, pelo trabalho de história em quadrinho.

  4. POR FAVOR PODER DEIXAR UMA HISTORIA SOBRE NUMEROS INTEIROS

  5. Ana Amélia Pedrosa Diz:

    Parabéns pela iniciativa e criatividade. Amei a sugestão. E, como trabalho com crianças na faixa etária de 6 anos sei como é interessante despertar o interesse pela leitura e pela matemática. Sendo assim, unir o útil ao agradável é sem sombra de dúvidas GENIAL. Parabéns

  6. Fantástico! Sou professor de história mas adorei o texto acima.
    Em tempo: Sou o editor-chefe do Quadro-a-Quadro, site especializado em quadrinhos e temos um espaço dedicado a trabalhos acadêmicos que envolva quadrinhos.
    Gostaria de compartilhar seu trabalho no site.

    Visite-nos e se possível entre em contato. Temos entre nós (do site) um matemático também, apaixonado por quadrinhos e que certamente gostaria de trocar idéias com você.

    Abraços,

    Lucas Pimenta

  7. Gostei d+ desse site… ><

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 318 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: